domingo, 13 de dezembro de 2015

As manifestações estão minguando

Pedro Ramalho da Anunciação (Porto Alegre)

O povo não atendeu ao chamamento feito pelo PSDB e DEM. Os participantes das manifestações organizadas pelo PSDB-DEM-PPS e PMDB são membros das elites.  

Em todos os estados brasileiros em que foram realizadas manifestações pedindo o impedimento da presidenta Dilma Rousseff, o fracasso ficou bastante evidente.

Em Salvador, a manifestação que teve o apoio do prefeito da capital baiana, que bancou fanfarras e trios elétricos redundou num grande fracassou, ou seja, não chegou a reunir 500 pessoas.

Em Belo Horizonte, a terra do líder do principal partido de oposição ao governo, à manifestação pró-impeachment não reuniu 400 pessoas, segundo estimativas otimistas da PM mineira.

Na cidade de São Paulo, o fiasco foi o mesmo da cidade do Rio de Janeiro. O fracasso foi tamanho que sites como G1 (Globo), UOL (Folha de S. Paulo) não destacam como chamada principal as manifestações programadas pela oposição.  

Nas regiões Norte e Nordeste, este domingo foi um dia comum, com poucas pessoas nas ruas se manifestando contra o governo. Nas regiões Sul e Centro-Oeste o desanimo foi igual ao verificado nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Belo Horizonte.

Lazer e protestos se misturam no "esquenta" do ato pró-impeachment na Avenida Paulista, diz o site UOL. 

Os primeiros números das pesquisas apontam a redução bastante significativa no número de pessoas presentes às manifestações em todo país, neste dia 13/12.    
Postar um comentário