domingo, 21 de agosto de 2016

Boca Maldita reverbera baixaria




O espaço Boca Maldita neste sábado (20/08),  não debateu ideias, limitou-se a repercutir o primeiro comício realizado no município de São Raimundo Nonato pela “oposição”, que segundo as pessoas que circularam neste espaço democrático, foi marcado pela baixaria. Por baixaria entenda-se, os “discursos” dos candidatos e simpatizantes de uma candidatura que é tida e havida como ilegítima, porque a candidata que se apresenta como de oposição, há mais de 30 anos (mais de três décadas) não reside no município e é uma completa desconhecida para os sanraimudenses.

Segundo depoimentos das pessoas que tiveram a curiosidade de assistir a esse show de baixaria, os candidatos e convidados em vez de apresentarem propostas para o município, prefeririam desfilar um rosário de impropérios (ofensas e agressões) contra os seus adversários. Ofensas e agressões verbais que ofenderam a moral e a honra dos candidatos da chapa encabeçada pelo prefeito Avelar Ferreira.

Em Tempo:

O espaço Boca Maldita no dia de ontem (20/08) prestou uma singela, porem sincera homenagem a uma das suas frequentadoras mais assíduas, a professora Vera Castro. Só não teve bolo, mas em compensação rolou muito whisky e cerveja no balde. 



Postar um comentário