quinta-feira, 11 de agosto de 2016

O PT precisa passar por um processo de depuração

O Partido dos Trabalhadores (PT), para sobreviver a essa hecatombe que se abateu sobre ele, precisa passar por um demorado e criterioso processo de depuração, de modo a purificar-se. Voltar ao seu estado inicial.

Com a abertura desse processo, os neopetistas, petistas que ingressaram no PT após a chegada de Lula ao poder, petistas trânsfugas, oportunisas ou de meia tigela deixarão o barco de Lula, como os ratos que abandonam o navio ao pressentirem o primeiro sinal de perigo.

O PT ao chegar ao poder se enganou com a cor da chita, como diz um surrado ditado popular muito usado na região Nordeste, quando queremos dizer na forma de metáfora que alguém se auto enganou.

As agruras que a cúpula do PT e a presidenta Dilma Rousseff estão passando neste momento, não acontece por acaso, uma vez que os petistas sabiam por antecipação com que estavam lidando. O PMDB é um partido que nunca fez questão de negar a sua verdadeira natureza.  
Postar um comentário