sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Na política nacional poucos gatos não são pardos


Nós da imprensa, costumamos satanizar esse ou aquele político, como se o objeto das nossas idiossincrasias fossem os únicos políticos imperfeitos. Ocorre que na política nacional quase todos os políticos são “santos do pau oco”. Uns mais outros menos. Isso quer dizer que não tiver pecado que atire a primeira pedra.

A bola da vez é o senador e presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), um político que se difere dos demais pela sua inteligência, sagacidade e esperteza. Esse senador alagoano que sempre cai para cima.

Renan Calheiros que sempre foi muito ligado ao ex-senador José Sarney, o Pelé da política nacional. Ambos os políticos conseguem sobreviver, porque são pessoas muito generosas e que tem sempre uma carta na manga.

O senador Renan Calheiros, só não contava com o aparecimento da Operação Lava Jato no seu caminho. Uma operação que vem conseguindo colocar atrás das grades políticos de escol, os maiores empreiteiros do país e executivos e ex-executivos das maiores construtoras do país.

A Operação Lava Jato está moralizando o país e acabando com a impunidade. A Operação Lava Jato tem muitos méritos, mas, o mais importante de todos é o seu caráter pedagógico.

A propósito, a sorte do senador Renan Calheiros com a votação da ADPF-402 pedida pelo partido Rede de Sustentabilidade, parece que começa a mudar. Quem viver verá!
Postar um comentário