quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

O DEM já não acredita no governo Temer



Dentro do Democratas (DEM) não há unanimidade quanto ao apoio incondicional ao governo do presidente da república Michel Temer.

O líder do Democratas no Senado, Ronaldo Caiado (GO), que é da base do governo, insinuou que o presidente Michel Temer deve renunciar e cogitou da realização de eleições gerais.

De uma hora para outra, várias vozes têm se manifestado sobre a realização de novas eleições, porque o governo, o que reforça um sentimento que já começa a tomar conta do país, que é o esgotamento do governo do PMDB.

A situação do governo Temer para muitos cientistas e analistas políticos, guarda muita semelhança com a situação que antecedeu ao impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff: desemprego em alta, crises política, econômica, moral e ética sem solução, juros nas alturas, aprovação popular quase no chão e uma crise institucional sem precedentes na história deste país.

por Sergei Kirov Adamastor Cabral
Postar um comentário