quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

O PSDB vai ter que adiar o seu projeto de poder



O PSDB se transformou numa força auxiliar do PMDB no governo Temer

O PSDB que quase voltou ao poder em 2014, quando o senador Aécio Neves (PSDB-MG) disputou com chance de vitória à sucessão da presidenta Dilma Rousseff, ao aliançar-se com o PMDB na conspiração para apear o Partido dos Trabalhadores (PT) do poder e após conseguir o seu intento, aceitou participar do governo de transição do presidente Michel Temer, perdeu o bonde da história e atrelou o seu destino aos dos peemedebistas.

Ao aceitar participar do governo do PMDB, o PSDB abdicou da condição de oposição e como o governo Temer tudoleva a crer que não conseguirá recolocar este país no trilho do desenvolvimento e mesmo que consiga, ninguém pode garantir que os peemedebistas, honrem a palavra empenhada, uma vez que o partido liderado por Aécio Neves já está sendo compensado pelo seu apoio ao governo Temer, com meia dúzia de ministros.

Se o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles conseguir tirar este país do atoleiro em que se encontra, salvando a nossa economia, o PMDB lançará seu nome à sucessão de Temer. Que sobreviver verá!      

Postar um comentário