quinta-feira, 8 de setembro de 2016

A poesia segundo Bandeira Tribuzi



Conclusão para o consolo

 
Bicho da terra estás apenas morto.
Já a terra de que és bicho te recobre
e uma pequena flor acena, leve,
um pequenino adeus sobre teu túmulo.
 
Tua mulher jamais esquecerá
tua sólida figura. Nem teus filhos
que em si a reproduzem e prosseguem
tua presença em gestos e palavras.
 
O tempo que rompeu teu rude corpo
como inverno passando sobre o campo,
não cortou a semente indispensável.
 
Ele mesmo será propício à nova
árvore forte que sustém o mundo
e reverdece o chão da vida mágica.

José Tribuzi Pinheiro Gomes (Bandeira Tribuzi), nascido em São Luís do Maranhão. Viveu e estudou em Portugal até 1946.
Postar um comentário