segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

É preciso ‘sanear’ o Poder Legislativo




“Graças ao ministro José Dias Toffoli, o Senado continuará a ser presidido por Renan Calheiros (PMDB-AL), convertido em réu na semana passada por desvio de dinheiro público”. (Noblat)

O Congresso Nacional precisa passar urgentemente por um rigoroso processo de higienização, para remover as impurezas e os vícios que enlameiam e enxovalham o parlamento nacional.

O Brasil não pode continuar convivendo com políticos que maculam, desonram a imagem do país interna e externamente.

Um país cujo presidente do Senado é réu e responde a mais 12 inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-presidente da Câmara Federal está preso numa das carceragens da Polícia Federal na cidade de Curitiba e mais de uma centena de parlamentares, ex-parlamentares e ex-governadores constam da lista de uma empreiteira que foi obrigada a devolver aos cofres do Tesouro Nacional, R$ 6,8 bilhões pagos através de propinas -, é um país doente e que se nada for feito no sentido de curá-lo, morrerá mergulhado no Mar de Lama da Corrupção.
Postar um comentário