quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

O Brasil é um país sem ordem e desgovernado

“Se os MINISTROS livrarem LULA da prisão aí sim estarão fazendo a sua parte para atirar o país no caos. O que pode sim – em última instância – levar a necessária intervenção das FORÇAS ARMADAS para que o país retorne à normalidade”. (Revista da Sociedade Militar). Fica o recado
 
A nomeação de Cristiane Brasil, filha do mensaleiro Roberto Jefferson é um verdadeiro escárnio e desrespeito ao povo brasileiro, que não quer ver e que não aceita alguém com pendências na justiça trabalhista ser ministra do Trabalho. Isso é uma ignomínia, um opróbrio. Uma grande desonra para a nação brasileira.   

O Brasil de hoje é um país sem ordem em todas as suas expressões: política, econômica, social e jurídica. Aqui em Pindorama, no presente momento, nada funciona e o futuro da democracia está comprometido, uma vez que os nossos atuais dirigentes não zelam e muito menos se preocupam em fazer com que a ordem seja restabelecida, para que aventureiros de direita e esquerda não se sintam estimulados a jogar este país numa aventura muito perigosa.

Um país governado por um presidente sem apoio popular, o que o deslegitima, não tem forças suficientes para promover os ajustes necessários na economia que permita ao país voltar aos trilhos do desenvolvimento. A situação do presidente Temer é de extrema fragilidade, uma vez que se trata do presidente mais impopular da história republicana brasileira. 

Questões essenciais como as das reformas têm sido negligenciadas e igualmente, postergadas de modo sutil, como as do ajuste fiscal e da governabilidade. Esta última que só será resolvida com uma ampla reforma política que acabe com o presidencialismo de coalizão, onde o presidente vira refém do Poder Legislativo que é formado por quase quatro dezenas de partidos e que vivem com a faca no pescoço do presidente de plantão. 

O Brasil que já estava no fundo do poço, sob Temer, afundou mais ainda num mar de lama de corrupção, de imoralidade, desfaçatez e sem cerimônia, pois ocorre que esse presidente ao invés de apoiar a Operação Lava Jato, uma operação que visa redimir este país, muito pelo contrário, ele investe na morte por asfixia dessa operação moralizadora e redentora.  
Postar um comentário