terça-feira, 24 de novembro de 2015

Chico Lucas promete não repetir vícios como gestor da OAB-PI




“Temos que acabar com vícios políticos”, diz Chico Lucas

Essa primeira manifestação pública do novo presidente da OAB-PI é bastante alvissareira, porque aponta na direção de novas práticas na condução do destino de uma instituição que ainda goza do respeito da população piauiense.

Acabar com vícios na OAB-PI começa pelo não compromisso do presidente em eleger o seu sucessor, como ocorria no passado e espera-se que não ocorra no futuro. Outro vício que precisa ser banido dessa instituição é o seu uso como palanque ou vitrine para promoção individual de certos advogados.

Uma administração transparente de modo que permita ao sócio da OAB-PI ter acesso ao volume de dinheiro arrecado anualmente e a sua aplicação é também uma forma de eliminar os vícios. A OAB-PI, que segundo o jornalista Elias Lacerda tem um orçamento de R$ 13 milhões de reais. Um orçamento maior do que a maioria dos municípios piauienses. 

O advogado Chico Lucas tem um grande futuro pela frente, num estado tão carente de lideranças genuínas e comprometidas com um Piauí moderno e mais digno para todos. Mas, tudo vai depender da gestão na OAB-PI.

no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino

Postar um comentário