sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Conselheira de Trump usa Casa Branca para fazer comercial



Uma comissão do Congresso norte-americano vai analisar se a conselheira senior da Casa Branca Kellyanne Conway violou regras éticas, ao promover produtos da linha de roupa da filha de Donald Trump, Ivanka.

Questionado sobre a polémica, o porta-voz da administração Trump, Sean Spicer, disse apenas que Conway já “recebeu aconselhamento legal acerca do assunto”.

Durante uma entrevista televisiva, emitida a partir da sala de imprensa da Casa Branca, a conselheira de Trump afirmou que Ivanka tem “uma linha de roupa maravilhosa”, que ela própria possuía “várias peças” e que todos deviam “comprar” os seus produtos.

Na véspera, o presidente norte-americano tinha atacado, através do Twitter, a cadeia de armazéns Nordstrom, depois desta anunciar a decisão de deixar de vender a linha de vestuário e acessórios de Ivanka Trump.com euronews

Os assessores do presidente Donald Trump estão confundindo o que é público com o que é privado. É que eles pensam que estão fazendo o reality show O Aprendiz. Os EUA sob Trump estão virando chacota e piada de gosto duvidoso.
Postar um comentário