domingo, 2 de abril de 2017

População sofre com o descaso do governo



Quando a Barragem da Onça secar o governo do estado do Piauí vai ser responsabilizado pela crise hídrica que vai se abater sobre esta microrregião. 2018 é um eleitoral. Pense nisso, senhor governador!
 
A sociedade somos nós, pessoas que pagam impostos e necessitam de serviço básicos, ofertados pelo poder público ou por empresas privadas que atuam sob concessão, como as empresas que fornecem energia e água.

No estado do Piauí, a energia elétrica é fornecida pela Eletrobrás Distribuição Piauí, uma empresa da Eletrobras, a única concessionária de energia elétrica no Piauí.

A empresa de Água e Esgoto do Piauí S/A (AGESPISA) e o Serviço Autônomo de Agua e Esgoto (SAAE) são as únicas empresas concessionárias de exploração e distribuição de água neste estado.

Dito isso, vamos ao que interessa a comunidade sãoraimundense que é o descaso da AGESPISA no tocante a evitar o desperdício de água. De uma água que como todo mundo sabe é de péssima qualidade, mas é a única que nós temos.   

Nas fotos que aparecem no corpo desta matéria eu mostro esse descaso na forma de uma tubulação quebrada e que um morador consciente tenta consertar de qualquer maneira o cano quebrado para evitar o desperdício de água que está sendo desperdiçada por um cano que há quase uma semana jorra água ininterruptamente.

Como a AGESPISA não mantém uma equipe de plantão em São Raimundo Nonato, mesmo que algum morador sensível a esse problema queira resolve-lo imediatamente, não irá conseguir porque não tem como se comunicar com essa empresa e solicitar providências imediata.

Outro problema que chama a atenção no município de São Raimundo Nonato e o número de lâmpadas acesas em plena luz do dia. O que aumenta o consumo de uma energia fornecida pela Eletrobras Distribuição-PI e que será paga pela prefeitura, porque se trata de Iluminação Pública.

Sugiro que o Departamento de Iluminação Pública este município escale uma equipe para que periodicamente faça uma vistoria na Iluminação Pública. Convém lembrar que a IP é paga pelo usuário.

O lixo é outro problema em São Raimundo Nonato, porque o sãoraimundense não tem educação ambiental. O povo deste lugar descarta lixo em qualquer lugar.É óbvio que não são todos os moradores.

Os turistas que nos visitam ao se deparar com lixo jogado na beira das principais vias de acesso a São Raimundo Nonato, cria logo uma impressão negativa sobre nós os sãoraimundenses. Lugar de lixo é na lixeira e no aterro sanitário.
Siga ao blog Dom Severino no Twitter e no Facebook
Postar um comentário