quarta-feira, 30 de setembro de 2015

O MA ocupa o 3º lugar no campeonato nacional do crime



O Maranhão ocupa o 3º lugar no campeonato nacional do crime. Isso quer dizer que o problema da violência no estado governado pelo comunista Flávio Dino é estrutural e não conjuntural. E foi a campanha da TV Globo e Globo News contra o Maranhão governado por Roseana Sarney, a principal responsável pela vitória das oposições coligadas nesse estado. Sob o governo Dino a violência explodiu, mas os veículos de comunicação da família Marinho esqueceram o Maranhão com a vitória do comunismo nesse estado. 

Nesse trágico campeonato, o município de Fortaleza ocupa o primeiro lugar, seguido pelo município de Maceió e na terceira colocação aparece à cidade São Luís.

A explosão da violência na capital maranhense em que pese o atual governador atribuir ao grupo Sarney toda a responsabilidade por essa nada invejável colocação de São Luiz no campeonato nacional do crime, deve-se a dois ou mais fatores: as grandes ‘plantas’ instaladas na capital maranhense, como Alcoa, Cia. Vale, o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) e a localização geográfica dessa capital que acabou atraindo muita gente que foi forçada a deixar a cidade do Rio de Janeiro para se livrar das ações das Forças Armadas e das policias civil e militar contra o crime organizado.

Ocorre que toda grande obra quando é concluída desemprega muitos trabalhadores que não tendo como voltar para os seus lugares de origem optam por permanecer e tentar sobreviver de qualquer maneira no estado onde ficou desempregado, haja vista, o desemprego está acontecendo em toda parte.

Esse fenômeno da explosão do crime, provocado pelo desemprego em massa, após a conclusão de grandes projetos também se deu em municípios como Foz do Iguaçu no estado do Paraná, após a conclusão da Barragem de Itaipu, em Tucuruí no estado do Pará, com a conclusão da barragem de Samuel em Porto Velho; com a conclusão da Ponte Rio de Niterói que na década de 70 chegou a empregar diretamente, mais de cinco pessoas e as usinas nucleares Angra I, II e III. 

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino
Postar um comentário