sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Wellington Dias nomeia primo do ministro Marcelo Castro



“Quem muito se abaixa o rabo aparece”, diz um provérbio. Esse parece ser o caso do PT que anda se submetendo a todo tipo de constrangimento para permanecer no poder. Um poder que está ruindo e que pode desmoronar a qualquer momento.  O PMDB anda deitando e rolando sobre o PT.


O Hospital Regional Senador Cândido Ferraz que desde que Wellington Dias assumiu o governo vinha sendo administrado interinamente, com a ascensão do deputado federal Marcelo Castro (PMDB-PI) ao cargo de Ministro da Saúde, ele foi entregue ao primo desse parlamentar.

Como sempre no estado do Piauí, a meritocracia é assassinada pelo jogo político, o que faz deste estado o último vagão da locomotiva  chamada Brasil. O mais atrasado e pobre estado brasileiro.

O PT no estado do Piauí repete o jogo político nacional, onde o PT para se salvar se entrega de corpo e alma ao PMDB que consciente da fragilidade e do perigo que ronda o governo Dilma Rousseff exige até do governo até o impossível e o governo dá aos peemedebistas.  

Em Tempo: o Hospital Regional senador Cândido Ferraz é pior  do que hospital de campanha (hospital de campo de batalha, de guerra entre países pobres). Nesse hospital falta de tudo, até ambulância para transportar um doente grave para Teresina.

A direção desse hospital segundo se comenta neste município vinha sendo guardada como 'moeda de troca' para ser usada na campanha eleitoral. E agora se confirma essa suspeita.  

Siga  no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino
Postar um comentário