quarta-feira, 29 de março de 2017

Ciro Gomes: um desmiolado e sem noção



"O Moro que mande me prender, eu recebo a turma dele na bala", diz Ciro Gomes

Essa manifestação acima, do ex-parlamentar Ciro Gomes, que beira à irresponsabilidade ao incentivar a violência, é própria de pessoas desequilibradas e que querem a todo custo aparecer na mídia, mesmo que para atingir os seus objetivos sejam tomadas por ridículas.

No seu destempero verbal, esse ex-governador do estado do Ceará, fala coisas sem nexo, como nessa frase que abre este texto, com o fito de polemizar com alguém que lhe ajude a sair do ostracismo. Como por exemplo, desafiar o juiz Sérgio Moro, que o tratou com uma indiferença olímpica, sem se dignar sequer em comentar os impropérios desse dinossauro da política cearense.

A pior coisa que pode acontecer na vida de um político é ser ridicularizado e ser tomado como alguém que não merece sequer ter uma resposta de uma linha. Ciro Gomes, como se diz no estado do Rio de Janeiro, morreu e esqueceu de deitar.    
Postar um comentário