segunda-feira, 16 de abril de 2018

Morro do Cruzeiro permanece sem o seu principal monumento

Já passados mais de quatro meses e o Morro do Cruzeiro em São Raimundo Nonato, permanece sem o seu principal monumento e o maior símbolo da religiosidade do povo sãoraimundense, o seu Cruzeiro, que foi destruído por um vendaval, que destruiu também a Torre de Televisão que recebia imagens de emissoras de televisão sediadas na capital do estado.

O município de São Raimundo Nonato, localizado na região Sudeste do estado do Piauí, há 517 quilômetros da capital, que na tarde noite do dia 23 de novembro de 2017, foi atingido por uma forte tempestade, que provocou sérios prejuízos à população deste importante município piauiense, o que ocasionou a queda de muros, arvores, telhados, a torre de televisão, o monumento do principal símbolo religioso e cristão da cidade de São Raimundo Nonato, o Cruzeiro e maior atração turística da sede deste município. Um lugar de peregrinação religiosa.

Este blogueiro esteve no dia de ontem (15), no Morro do Cruzeiro para saber como é que anda à reconstrução do monumento do cruzeiro e a recuperação da torre de televisão. No que se refere ao cruzeiro, não existe nada no sentido de reconstruí-lo, como o leitor deste blog poderá constatar através de imagens que ilustram esta matéria, já a torre de televisão, pelo menos as bases para a instalação dos estai, já estão prontas. Uma pequena obra que no máximo, um pedreiro constrói em meio dia de serviço, sem ajudante.

A recuperação da torre de televisão é a melhor notícia que as pessoas que não tem condição de comprar uma antena parabólica ou fazer uma assinatura de TV paga, poderiam receber.   

O cruzeiro antes
 O cruzeiro depois do temporal
Base do Cruzeiro
Parte do Cruzeiro destruído

Base da torre de televisão
Uma das ancoras do estai da torre de televisão
Postar um comentário