sexta-feira, 13 de julho de 2018

Donald Trump sem nenhum pudor constrange Teresa May

Numa entrevista ao jorna The Sun, o presidente dos Estados Unidos disse que as propostas da primeira-ministra britânica tinham, provavelmente, morto a esperança de um acordo de comércio com os EUA.

"Se eles fizerem um acordo como esse, muito provavelmente, nós estaremos a lidar com a União Europeia ao invés de lidar com o Reino Unido. Então, isso provavelmente acabará com a negociação. Se eles fizerem isso, o acordo comercial com os EUA provavelmente não será feito," afirmou o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Depois de uma semana tumultuosa para May, em que o seu ministro para o Brexit,David Davis, e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Boris Johnson, se demitiram em protesto contra os planos da primeira-ministra para o Brexit, Trump elogiou Johnson dizendo que ele "seria um grande primeiro-ministro".

"Acho que ele é muito importante para o vosso país. Fiquei muito surpreso e triste ao saber que ele tinha saído do Governo. Vocês também perderam outras pessoas muito boas. Bem, não estou a querer colocar ninguém contra ninguém, estou só a dizer que acho que ele seria um grande primeiro-ministro," declarou Trump.

A presença do Presidente norte-americano no Reino Unido também foi alvo de protestos. Muitos populares saíram à rua para se manifestarem contra o que identificaram como o "racismo e sexismo de Trump". Conteúdo do Euronews

Siga os blogs Diário do Homem Americano, Dom Severino e Dom Severino no Portal AZ no Twitter, no Facebook e no Google.
Postar um comentário