segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Mais um derrota do PSDB no Piauí

Poucas vezes na história das eleições para a presidência do Poder Legislativo estadual no Piauí, uma disputa pelo comando desse segundo poder foi tão acirrada e envolveu a participação direta do governador e do prefeito da capital. Mas ao final acabou prevalecendo a teoria dos três poderes do filósofo francês Montesquieu. A teoria dos três poderes foi consagrada por esse pensador, baseada na obra política do filósofo Aristóteles, e na obra Segundo Tratado do Governo Civil de autoria do filosofo inglês John Locke, o pai do empirismo.

A intromissão do prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB) e do governador Wellington Dias (PT) na disputa pela presidência da Assembléia Legislativa do estado do Piauí (ALEPI,) segundo alguns analistas políticos piauienses, funcionou como o maior cabo eleitoral do reeleito presidente do Poder Legislativo, porque isso mexeu com os brios dos deputados, que em protesto optaram por reeleger Themístocles Filho, que pela décima vez se elegeu presidente da Casa de Waldemar Macedo.

Os grandes derrotados


O deputado estadual Themístocles Filho (PMDB), um político cuja maior virtude é a humildade aparente, derrotou nessa eleição para a presidência da ALEPI o governador do estado e o prefeito da capital, sendo que o maior derrotado foi Firmino Filho; primeiro porque entrou de ‘gaiato no navio’, numa eleição que não dizia respeito ao Poder Executivo municipal. Firmino Filho quis demonstrar poder e força na eleição da ALEPI ao tentar eleger o ex-tucano Fabio Novo presidente e o seu sobrinho vice-presidente. O presidente eleito Themístocles Filho num gesto de grandeza - em entrevista recente a uma emissora de televisão local suavizou a derrota do governador ao não admitir a derrota do chefe do Poder Executivo. Um gesto de pacificação.

Três derrotadas seguidas do PSDB

Num curto espaço de tempo, o PSDB no estado do Piauí sofreu três grandes derrotas, o que poderá significar o fim desse partido em terras piauienses. Os tucanos saíram desmoralizados das eleições nacional, estadual e do Poder Legislativo no Piauí.
   
Siga o blog Dom Severino no Twitter, no Facebook e no PortalAz
Postar um comentário