quarta-feira, 17 de junho de 2015

Elmano Férrer rompe com o PT estadual e nacional



O navio do Partido dos Trabalhadores (PT) está fazendo muita água. Fazer água significa afundar e diante do perigo iminente, os políticos oportunistas já começaram a deixar a nau.

O senador Elmano Férrer (PTB-PI), um dos aliados de primeira hora do então candidato ao governo do estado do Piauí, Wellington Dias, insatisfeito com o governador petista que segundo a imprensa não prestigiou o seu partido como ele merece, acaba de anunciar o seu rompimento com o PT estadual e nacional.

Com essa sua decisão, Elmano Férrer que andou ensaiando sua saída do PTB por discordar frontalmente da presidenta nacional do seu partido, a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) deverá permanecer no PTB e o seu grupo político deverá continuar no comando do PTB estadual. 

O PTB estadual contrariando a direção nacional apoiou o candidato do PT ao governo piauiense, o que quase levou esse senador e o seu mentor político, o ex-senador João Vicente Claudino a mudarem de partido. Com essa decisão do senador  Elmano Férrer, a paz entre o grupo de João Claudino e a direção nacional será selada.
 
Postar um comentário