segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Um pacto social pela governabilidade


“É necessária que haja regra social que governe ao homem, para evitar que o mesmo seja eternamente bárbaro, contrariamente, a sociedade jamais caminharia para seu processo civilizatório.” (Pacto social em Thomas Hobbes)
“Para superar essa grave crise é preciso ter a grandeza de separar o ego pessoal do que é melhor para o país.” (Luiz Carlos Trabuco, presidente do Bradesco).

Seguindo a linha do editorial do jornal e TV Globo do dia 07/08, o presidente do Banco Bradesco, Luiz Carlos Trabuco faz um apelo à razão e condena o egoísmo e a guerra particular que visa uma vitória pessoal.

Se um Pacto Social pela governabilidade (um acordo sobre um programa de consolidação e reforma da economia e da política. Acordos que serão assinados por todas as forças envolvidas no processo), formado pelos partidos e a sociedade organizada, sob o comando de Dilma Rousseff. Um pacto necessário para evitar um colapso.

Porque sob o comando da presidenta Dilma Rousseff? Para evitar o caos. Qualquer movimento brusco neste momento jogará este país num grande e profundo abismo, de onde ninguém sobreviverá.

Em Tempo:

O ex-ministro e presidente do Supremo tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa deverá ser convocado para liderar um grupo de elite da magistratura brasileira para ajudar na coordenação do Pacto pela governabilidade.
Postar um comentário