segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Dilma deixou de respirar através de aparelhos




O fiasco das manifestações de ontem em todo país - que não chegou a reunir um milhão de pessoas, 795 mil para ser mais preciso, segundo os organizadores dessas manifestações e os seus apoiadores, leia-se, o PSDB e o sistema Globo de rádio, televisão, portal de notícias, TV paga e jornal impresso, foi recebido no Palácio do Planalto com uma sensação de alívio e isso permitiu retirar o aparelho que a presidenta Dilma Rousseff vinha usando para respirar artificialmente.

O pouco comparecimento de brasileiros nessas manifestações - sinalizou para o governo federal como um voto de confiança dado a presidenta. Uma parte considerável dessa confiança que Dilma Rousseff perdeu do povo brasileiro, devido às ‘lambanças’ que o Partido dos Trabalhadores (PT) e o PMDB vem aprontando e que lhe foi restituído agora. O primeiro, o partido da presidenta e o segundo do vice-presidente da república.

Insisto na tese de que Dilma Rousseff para sobreviver vai ter que deixar o PT e se livrar da companhia incomoda do PMDB. E essa sua decisão vai ter que ser tomada com urgência, porque à nação brasileira não suporta mais conviver com José Dirceu, Lula, Renan Calheiros e Eduardo Cunha. Com aloprados, sanguessugas, mensaleiros e  petroleiros do mal.

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino
Postar um comentário