sábado, 3 de outubro de 2015

O provocador provincial

Este blogueiro ousa comentar alguns tópicos da coluna do editor deste portal, o jornalista Arimateia Azevedo publicada no dia de hoje 03/10. Ele que me desculpe pela ousadia.  

O candidato (C/A)

Delegado geral durante as atabalhoadas investigações sobre a morte de Fernanda Lages, James Guerra está hoje à disposição da Assembleia Legislativa, quando a Polícia Civil se queixa que não tem delegados para os distritos da capital e do interior.
E parece tão disposto a não mais voltar ao ofício, para o qual o contribuinte lhe paga alto salário, que já pensa numa candidatura a vereador em 2016.


Dom Severino comenta

No estado do Piauí o mérito e a competência não são considerados. O que prevalece aqui por estas bandas é a subserviência, o puxa-saquismo e a disponibilidade do sujeito para servir incondicionalmente. Esses são os invertebrados. Quem tem tendência para bajulador ascende profissionalmente e socialmente no estado do Piauí.  

Desconhecidos (C/A)


Ciro afirma que o país “tem muitos quadros que a população brasileira ainda não conhece, mas são quadros que têm o que mostrar”. E entre eles citou o governador piauiense, que, convenhamos, tem mais traquejo político e administrativo que a companheira presidenta.


Dom Severino Comenta

O cearense-pindamonhagabense Ciro Gomes pelo visto só conhece o seu estado adotado, ou seja, o estado do Ceará, porque apontar o governador Wellington Dias como o nome que reúne melhores condições para suceder Dilma Rousseff é não conhecer a história recente deste país. Isso significa  não se interessar e conhecer a história piauiense e nacional. Nós os piauienses não valorizamos tanto o governador Wellington Dias. Quando digo nós, é óbvio que estou me referindo aos piauienses conscientes e não os piauienses que habitam o Piauí profundo e os grotões. 


Cidadania (C/A)


O deputado federal Heráclito Fortes é, desde ontem, cidadão de Elesbão Veloso. A solenidade que o homenageou ocorreu ontem.

Dom Severino comenta

O deputado federal Heráclito Fortes deveria receber o titulo era de cidadão piauiense, porque na realidade ele é um cidadão pernambucano. Um pernambucano que representa o estado do Piauí. É que ele mora em Recife (PE), tem filha e esposa pernambucanas. Ao estado do Piauí o deputado federal Heráclito Fortes (PSB-PI) só vem a passeio. Pelo visto o ex-deputado federal Mussa Demes fez escola aqui.

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino
Postar um comentário