domingo, 6 de dezembro de 2015

A imprensa golpista e o Plano Temer



Abraço de parceiros e sócios

A grande imprensa e os blogueiros mais acessados e lidos deste país estão empenhados em tirar a presidenta Dilma Rousseff do poder. Isso fica bastante evidente no posicionamento da grande mídia ao trabalhar a favor da substituição do Partido dos Trabalhadores (PT) pelo PMDB no poder.

Se Michel Temer é o vice-presidente da república e o PMDB faz parte do governo Dilma-Temer diretamente ao ocupar quase uma dezena de ministérios e centenas de cargos no segundo e terceiro escalões, como transformar o PMDB numa alternativa? O PMDB e o PT comandam o país, par ao bem ou para o mal.

Michel Temer e o PMDB não tem moral suficiente para se arvorarem de oposição, uma condição que cabe ao PSDB que, por incompetência ou erro estratégico, está transferindo o protagonismo político para os peemedebistas.

Como atribuir legitimidade a um partido que tem o presidente da Câmara Federal na iminência de ser cassado por quebra de decoro parlamentar e denúncias da prática de crimes de corrupção e lavagem e o presidente do Senado, um político contra o qual pesam sérias denuncias?     

Pedir o impedimento ou a cassação de um presidente república é legítimo e constitucional. Como foi o caso do ex-presidente Collor de Mello, mas tentar trocar Dilma por Temer é uma agressão à consciência nacional.  

A propósito, só as pessoas ingênuas ou de má fé não percebem que Michel Temer trama contra o governo do qual ele faz parte.

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino      

Postar um comentário