terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Margarete Coelho: o Frank Aguiar de saia



Existem pessoas que se julgam necessárias e insubstituíveis. Essas pessoas na maioria das vezes atropelam o processo natural das coisas, movidas por uma ambição desmedida. Uma ambição que não contempla o povo.

Tem gente que se julga um ser superior aos outros e dotados das maiores e melhores virtudes, inclusive política. Esse é o caso da governadora Margarete Coelho (Foto), que num curto espaço de tempo deseja e quer se transformar no maior nome da política piauiense ao se apresentar como candidata aos mais importantes cargos majoritários deste estado. Ela começou a insinuar-se como candidato a prefeita de Teresina.

O primeiro, ela já conseguiu que foi eleger-se vice de olho no cargo hoje ocupado por Wellington Dias - que antes de assumir o governo pensou em fazer de Margarete Coelho sua seu secretária de Governo, no que foi dissuadido o governador, pelos seus companheiros de partido, para que Margarete Coelho não viesse a se transformar num novo Wilson Martins - que como vice do segundo mandato de Wellington recebeu de presente a coordenação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), um grande cabo eleitoral, assim como o programa Bolsa Família e se elegeu governador e depois de eleito passou a fazer oposição ao PT em nível estadual e federal.

O governador Wellington Dias que ainda possui um grande capital político no seu estado deve investir na prata de casa, de preferência em petistas orgânicos. 

O PT piauiense em que pese o momento difícil que atravessa e vive o PT nacional, ainda goza do respeito e da confiança do povo piauiense, porque governa tendo à ética e a moral como bussola.

Em tempo: Margarete Coelho num curto espaço de tempo já se elegeu deputada estadual, vice-governadora e quer ser prefeita de Teresina. Antes que esqueça: Frank Aguiar já foi deputado federal por São Paulo e atualmente é vice-prefeito de São Bernardo do Campo e sonha em ser governador do Piauí ou prefeito de Teresina.  

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino

Postar um comentário