sexta-feira, 17 de junho de 2016

Difícil é alguém desmentir Sergio Machado


Renan Calheiros e Sérgio Machado, nos bons ou maus tempos?

Os políticos denunciados por Sérgio Machado,
não podem negar que eram pessoas intimas do ex-presidente da Petrobras Transporte.


Não é de hoje que o país inteiro sabe, que o ex-senador tucano Sérgio Machado, que por indicação política, presidiu a Transpetro por 11 anos e era um operador de um partido político, alguém que cuida dos interesses, via de regra, nada republicano de um político ou partido.  

Das duas uma: ou Sérgio Machado é um técnico muito competente ou um diligente defensor dos interesses de quem o indicou para ocupar um cargo tão importante e por mais de uma década.

O que convém salientar aqui, é que o cearense Sérgio Machado não é um político qualquer, porque não é à toa que alguém permanece por tanto tempo à frente de uma empresa tão importante como a Petrobras Transporte (Transpetro), uma subsidiária da Petrobras. Sérgio Machado que é um ex-deputado federal e ex-senador pelo estado do Ceará e eleito pelo PSDB.

É compreensível a revolta dos delatados por Sérgio Machado - que provou através de gravações feitas com figurões da política nacional que era íntimo do poder e dos poderosos da Nova República.

Se o povo brasileiro for consultado sobre em quem ele acredita, se em Sérgio Machado ou nos políticos denunciados por ele, é claro que o povo dirá que acredita no delator.
Postar um comentário