terça-feira, 5 de julho de 2016

O Poder Legislativo é o pivô das crises brasileiras


As crises política e econômica que paralisam o país, tem no Poder Legislativo, o seu agente principal, uma vez que o Congresso Nacional dominado pelo PMDB, não quis fazer a reforma política, o ajuste fiscal e a reforma da Previdência propostas pelo ministro da fazenda, Joaquim Levy, com o firme propósito de enfraquecer o governo do Partido dos Trabalhadores (PT), o que acabou acontecendo e a presidenta Dilma Rousseff sendo afastada.

O atraso na realização dessas reformas, necessárias e urgentes, provocado pelos partidos de oposição, liderados pelo PMDB, para repito, enfraquecer o governo da presidenta Dilma Rousseff e criar o ambiente favorável ao pedido de impeachment da presidenta, contribui de maneira decisiva para o aumento do desemprego e da inflação que já ultrapassou a casa dos dois dígitos.

O receituário que vem sendo aplicado pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles é o mesmo defendido por Joaquim Levy, sem contar é claro, com a boa vontade do Congresso Nacional para aplicá-lo.

O que está faltando para que o ministro Henrique Meirelles seja bem sucedido no seu programa econômico é combinar com os russos, já que, a retomada do crescimento da economia brasileira, depende fundamentalmente da conjuntura econômica internacional.
Postar um comentário