terça-feira, 30 de agosto de 2016

Um governo misógino, racista e excludente


Juntos e misturados. Unidos para sempre?

O governo do presidente interino Michel Temer, já carrega a pecha de ser um governo misógino, racista e excludente, porque não conta com a presença de negros, mulheres e investe na redução das conquistas sociais. Investe contra o programa Bolsa Família, o Prouni e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec)
 
Os partidos que embarcaram na aventura do PMDB, num futuro próximo, já nas eleições de 2016, sofrerão nas urnas o preço da traição e da covardia, por terem funcionado como algozes da presidenta Dilma Rousseff.

O ajuste de contas com os traidores dos pobres e dos excluídos, começará ainda em 2016. Quem viver verá! 
 
Michel Temer e os seus aliados não herdarão o paraíso.
Postar um comentário