quinta-feira, 13 de abril de 2017

Aécio Neves está sendo desconstruído pela Lava Jato



“Delação do fim do mundo reduziu a pó as chances dos naturais candidatos do PSDB de disputarem a sucessão de Temer”.

O PSDB que sob o comando do senador Aécio Neves (PSDB-MG) após a eleição de 2014, virou palmatória do mundo político brasileiro, com o avanço das investigações da Operação Lava Jato, está sendo consumido pelas delações de ex-executivos da Odebrecht.

A situação do presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves - só não é pior do que a de Lula e Dilma Rousseff. Isso quer dizer que a Lava Jato pegou em cheio um político que se esmerava em aparentar ser o paladino da moral e da ética. O rei está nu, grita o povo brasileiro!

Só as ligações de amizade que o ex-presidente da Odebrecht insinuou existir entre ele e Aécio Neves é motivo suficiente para que se estabeleça vínculos comprometedores entre esse político mineiro e o empresário baiano.

O projeto político de Aécio Neves e do seu partido o PSDB subiu no telhado, ou seja, foi abortado pela Operação Lava Jato. E agora Aécio? A festa acabou e só lhe resta agora Aécio, torcer para que o governo Temer chegue ao seu final.
Postar um comentário