sexta-feira, 7 de abril de 2017

João Doria não tem folego para chegar em 2018




João Doria e a sua falsa humildade
De nada adianta o prefeito da cidade de São Paulo, João Doira (JJ) júnior, apelar para a pirotecnia e se fantasiar de pessoa humilde, coisa que ele não é, para conquistar o eleitorado brasileiro, porque ele mal começou uma administração que ainda é uma incógnita.

Quando a imprensa deixar de tratá-lo como uma novidade e passar a questionar sua administração, o prefeito da cidade de São Paulo, logo cairá no esquecimento e perderá completamente o folego e morrerá de inanição.

O que tem para mostrar um prefeito que ainda não completou 100 dias de governo na maior cidade brasileira e a mais complexa em termos administrativos? Até agora, João Doria (JJ) só tem feito marketing político. Um marketing apoiado em práticas ultrapassadas, como essas de aparentar humildade e se fazer presente no cotidiano dos seus munícipes.

Com o país atravessando uma enorme crise financeira, pouco ou quase nada o presidente Temer poderá fazer pelo seu grande aliado, o PSDB, do governador Geraldo Alckmin.

João Doira júnior (JJ) é fogo de palha, um pré-candidato que não resistirá aos questionamentos feitos no palanque eletrônico por candidatos que não precisam de salamaleques para convencerem o eleitorado brasileiro. Quem viver verá!
Postar um comentário