sexta-feira, 23 de junho de 2017

Administrações sem nenhuma originalidade e criatividade



Em matéria de administração pública, aqui na região Nordeste, nós vivemos num verdadeiro deserto de ideias originais e inovadoras.

No estado do Piauí, por exemplo, não se consegue destacar nenhum prefeito (a) que faça um governo inovador e focado no futuro, ou seja, preocupado com os novos desafios que a modernidade impõe.

O que reforça esta argumentação é o fato de que nenhuma prefeitura desta região consegue sobreviver sem depender de repasses do governo federal. Isso quer dizer que nenhum município nordestino é autossuficiente.  

Uma administração pública municipal inovadora e criativa se caracteriza pela criação de meios, para que os seus munícipes produzam suas próprias rendas e meios de sobrevivência. Como por exemplo, criar consórcios e arranjos produtivos e incentivar o associativismo. O que que poucos prefeitos tentam. Esperando sempre no governo federal.

É sempre a mesmice, com os prefeitos, via de regra, se preocupando em promover grandes eventos festivos, animados por artistas famosos, que com as suas apresentações megalomaníacas sangram uma economia pobre, bastante combalida e deprimida.  

É o poder público oferecendo o circo em vez de pão.   
Postar um comentário