sexta-feira, 9 de março de 2018

Leitura dinâmica


O senador Renan Calheiros (MDB-AL), um dos políticos mais encalacrados na Operação Lava Jato ao defender Lula de uma iminente prisão, usa esse ex-presidente como uma boia de salvação, porque ele sabe, tem plena consciência do que esse petista representa na região Nordeste. O apoio de Lula a qualquer candidato nesta região do país será capaz de eleger o apoiado. Não é à toa que Renan e Eunício Oliveira andam de braços dados com Lula. Renan Calheiros que já é réu e contra ele ainda pesam 17 inquéritos.

PP joga a toalha

No boxe, o gesto de jogar a toalha pela equipe de um pugilista sinaliza sua desistência, para evitar que o adversário faça um estrago maior com o lutador já massacrado. O deputado Júlio Arcoverde, “afirmou” que se a sua sigla perder a indicação, como tudo sugere para o MDB que seja para Themístocles Filho, não para Marcelo Castro. Essa manifestação de Júlio Arcoverde sugere que o seu partido poderá “jogar a tolha” a qualquer momento, no caso da indicação do candidato a vice-governador na chapa de Wellington Dias recai sobre Themístocles Filho.

A CODEVASF no PI e MA só produz sentina e latrina

Enquanto a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim (Codevasf) só produz sentina, latrina, privada e calçamento nos estados do Piauí e Maranhão, nos estados de Sergipe, Bahia e Pernambuco, essa mesma empresa produz frutas e arroz irrigados. No Meio Norte (Maranhão e Piauí), parte da região Nordeste que Sarney denominou de Meio Norte, a Codevasf não cumpre sua verdadeira missão que é produzir frutas, arroz irrigado e a psicultura. Um novo projeto de irrigação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) vai impulsionar a agricultura e poderá beneficiar cerca de 40 mil pessoas no semiárido baiano, com a implantação de até 30 mil hectares irrigados. Por que os outros estados que fazem para da bacia Rio São Francisco, na região Nordeste, são sempre priorizados e os estados do Piauí e Maranhão ficam sempre de fora dos projetos que geram empregos e riquezas? Porque BA, SE, PE e AL tem político na esfera federal, o que o PI e MA não, pelo menos no que se refere a Codevasf.

Perímetro irrigado de Pariconha, em Alagoas
Postar um comentário