sábado, 31 de janeiro de 2015

Candidatura de Renan Calheiros está sob ameaça

A candidatura do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) à presidência do Senado que era tida até uma semana atrás como favorita, com a entrada do senador Luiz Henrique (PMDB-SC) na disputa, perdeu seu favoritismo e hoje nenhum analista político tem certeza quanto ao resultado que irá sair da urna.

A favor do senador catarinense pesa o apoio do PSDB, do PSB, do DEM, do PP e da divisão do PT que fatalmente acontecerá. O PMDB que fechou com a candidatura de Renan Calheiros, também vai para essa eleição dividido, porque o atual presidente do Senado não controla mais os votos dos senadores peemedebistas.

Para o Palácio do Planalto a vitória de um desses dois nomes está sendo encarada com absoluta tranqüilidade, porque ambos os candidatos tem um mesmo perfil, ou seja, são políticos maleáveis.

Já no Senado...


O Governo Federal está investindo pesado na candidatura do deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), porque uma eventual vitória do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) representará uma séria ameaça ao governo do Partido dos Trabalhadores (PT), haja vista, a falta de sintonia que existe entre a presidenta Dilma Rousseff e esse parlamentar fluminense.

Siga o blog Dom Severino no Twitter, no Facebook e no PortalAz 
Postar um comentário