sábado, 10 de outubro de 2015

Eduardo Cunha poderá salvar Dilma Rousseff do impeachment


“Fatos relacionados ao primeiro mandato não deveriam interferir em processos sobre o segundo”, opinou o presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha sobre o julgamento das contas do governo pelo TCU.
O que parecia improvável, o presidente da Câmara Federal funcionar como o salvador da presidenta Dilma Rousseff, parece que caminha para um novo desfecho, ou seja, com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) agindo de modo a livrar Sua Excelência, a presidenta dos processos de impeachment. Caso essa possibilidade venha se concretizar, esse parlamentar fluminense agirá por puro pragmatismo. É que com o agravamento da sua situação, a recuperação do governo Dilma Rousseff poderá suavizar sua situação no futuro. Esse é o caso típico de "uma mão lavando a outra".

Tudo vai depender dos acertos e dos acordos firmados entre Dilma Rousseff e o deputado federal Eduardo Cunha. Acordos esses que devem ter sido feitos levando em consideração um projeto de salvação mutua.

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino
Postar um comentário