sexta-feira, 24 de junho de 2016

A política brasileira é uma imundície



Eu sou um dos brasileiros que não me ufano da política que praticamos. Num país civilizado e decente, os filhos de políticos corruptos são atacados pela coerção social e fogem do convívio social. Cá entre nós, bandido rico é bandido aplaudido e glorificado. Tudo se resume na formação cultural.

A cada dia que acesso os portais e blogs de notícias, confesso que sinto ânsia de vômito, uma sensação estranha ao me deparar com as notícias do mundo político. É que as notícias como se repetem e os personagens geralmente são os mesmos.

Raramente o leitor brasileiro se depara com uma boa notícia, uma notícia que seja do interesse público e que sirva para elevar a moral de um povo que de tanto ser humilhado pelos seus “representantes” no Poder Executivo e no Poder Legislativo, anda cabisbaixo e sem ânimo para lutar pela construção de um país decente, porque, com raras exceções, os nossos políticos são corruptos e corruptores. As prisões de parlamentares e ex-parlamentares, não me deixam mentir.

E o que é mais grave: a imprensa brasileira nos últimos dias vem alertando o povo brasileiro, sobre uma possível armação que está sendo montada pelos partidos envolvidos com crimes de corrupção, para sufocar e matar a Operação Lava Jato - que nivelou por baixo todos os partidos brasileiros com representação no Congresso Nacional. Uma armação que poderá ser bem sucedida, porque os maiores partidos têm real em interesse em livrar a cara da sua cúpula, que é quem comanda os assaltos aos cofres públicos.

Não é à toa que de uma lista de políticos denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF), o PT, PMDB e PP lideram essa lista. 

Sem alternativa, o eleitor brasileiro aumenta a sua desconfiança para com a nossa classe política.
Postar um comentário