sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Renan confia na sua própria "generosidade e atos de bondade"



Renan Calheiros confia na sua própria generosidade e na sua enorme capacidade de impor suas vontades ao governo de plantão. Não há nenhum exagero em afirmar que o atual presidente do Senado é o Ulisses Guimarães do presidente Michel Temer. Ulisses Guimarães que no governo do presidente da república, José Sarney, queria impor sua vontade ao presidente. Conseguindo muitas das vezes, porque o maranhense Sarney não é uma pessoa de bater de frente com os seus adversários, preferindo dar o troco lá adiante.

Um senador tem muito poder e o presidente do Senado tem um poder ainda maior. Um poder capaz de aprovar e reprovar a nomeação de ministros para o STJ e STF. Isso sem falar da aprovação ou não de leis de interesse do Poder Executivo, como a PEC-241.

O presidente do Senado, o alagoano Renan Calheiros, ao se julgar todo poderoso, acabou cometendo nos últimos dias, alguns erros crassos, assim como o seu companheiro de partido Eduardo Cunha, que subestimou a capacidade de indignação e revolta do povo brasileiro e acabou em Curitiba - vendo o Sol nascer quadrado.
Postar um comentário