quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Só um pacto político e social colocará o país nos trilhos


O Brasil está mergulhado em várias crises, sendo que a crise mais grave é a política, haja vista, o fato da nossa classe política não ter credibilidade para conduzir as reformas urgentes e necessárias que o momento exige.

O Poder Executivo vive trocando jantares por votos e o Poder Legislativo, como sempre, trocando a liberação de emendas por votos, num verdadeiro toma lá dá cá, uma prática inaugurada neste país pelo PMDB. Um partido que mesmo sendo o partido do governo, só vota em troca de alguma vantagem.

Sem um pacto político e social que reúna em torno de uma mesa, o governo, congressistas, as Forças Armadas e a sociedade civil organizada, o Brasil não sai do atoleiro em foi jogado.

A conjuntura econômica é gravíssima e a sua solução depende de vontade política, o que não existe, porque o país não conta com um político, como estofo moral, ético e político para comandar um processo de pacificação é de união nacional.

Com a situação puxando para um lado e a oposição para outro, num verdadeiro jogo de Cabo de Guerra, este país nunca irá se encontrar e que veremos é o agravamento de uma crise, já bastante grave.  

Como no espectro político não existe um estadista ou líder político com perfil para liderar um processo de mudanças profundas no país, que tal o governo promover um Pacto Social e Político?
Postar um comentário