quinta-feira, 2 de março de 2017

Núcleo duro do governo Temer amolece






Tá na cara o abatimento de Eliseu Padilha 

As saídas dos ministros Romero Jucá, Geddel Vieira Lima e a provável saída do ministro chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha do governo Temer, praticamente acabou com aquilo que se convencionou chamar de núcleo duro do governo, um grupo formado por pessoas de extrema confiança do presidente da república.   

Eliseu Padilha ao ser duramente atingido pelas denúncias feitas ao Ministério Público Federal (MPF), pelo advogado José Yunes, um amigo particular do presidente há 50 anos, caiu em desgraça.

O que denunciou José Yunes ao MPF que deixou o ainda ministro Eliseu Padilha numa muito complicada e que atingiu o coração do governo do PMDB? O advogado José Yunes, amigo do presidente Michel Temer, disse em depoimento ao Ministério Público, que recebeu um envelope em 2014 a pedido de Eliseu Padilha, hoje ministro da Casa Civil, entregue pelo doleiro Lúcio Funaro.

Ouso afirmar que o governo Temer só está de pé, porque muita gente teme pelo agravamento de uma situação já bastante grave e com a queda de mais um presidente, poderia jogar o país no caos. O medo do agravamento de uma situação já periclitante é que mantém Temer no governo. Até quando?  
Postar um comentário