sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

"Pássaro livre voa"


Companhia Boi Barrica



Eu sou do tipo que não tolera vê pássaro preso em gaiola. Ainda que essa gaiola seja de ouro. É que todo preso é triste e não existe beleza na tristeza.

O que me encanta no pássaro é a sua liberdade exercitada no voo. Um voo sobre a minha cabeça. Um voo rasante que revela a destreza do pássaro e a sua suavidade no voo que vence a resistência do ar e lhe permite fazer malabarismo.   

O pássaro que todo dia me acorda ao cantar junto a minha janela é um pássaro alegre porque ele canta por puro prazer. 


Quanta beleza e sensibilidade existem no ato do Beija Flor tocar um flor. (Tomazia Arouche)


O Boi que se apresenta neste vídeo é um boi estilizado, uma vertente do Bumba Meu Boi maranhense que foi recriado na região amazônica por maranhenses que se aventuram na região Norte.  Eu tenho ojeriza a zoológicos, pela mesma razão que Tomazia Arouche não tolera gaiola.

Siga no  Twitter, no Facebook e no Portalaz ao blog Dom Severino

Postar um comentário