sexta-feira, 5 de agosto de 2016

A história não absolverá os traidores e golpistas


Todos os traidores e golpistas da presidenta Dilma Rousseff serão julgados pela história e ela não os absolverá.

Uns receberão uma pena branda, (aqueles só votaram pelo seu impeachment) e outros uma pena exemplar (aqueles planejaram e executaram o golpe) que expurgará para sempre da vida pública.

A presidenta Dilma Rousseff, pode até ser uma pessoa ingênua, politicamente falando, mas nunca uma malfeitora, alguém que usou o poder para enriquecer a si e a seus familiares. A sua biografia atesta isso.

O mesmo não podemos afirmar dos seus traidores e detratores, porque esses não têm uma biografia digna e nunca farão parte da história deste país, por serem indignos dela.


O PMDB (o partido de Cunha, Temer, Jucá e Renan Calheiros), o PP (o partido de Paulo Maluf e Ciro Nogueira) e o PTB (o partido de Roberto Jefferson), esses partidos traíram Dilma Rousseff da maneira mais vil e covarde.  
Postar um comentário