sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Nós estamos vivendo num ambiente de incertezas



Com os investidores estrangeiros ainda reticentes quanto a investir no Brasil, com o recrudescimento do desemprego, da violência e a instabilidade política que não dá sinais de volta à normalidade, o ambiente neste país é o da mais completa incerteza.  

O governo vacilante de Michel Temer, não transmite confiança ao público interno e externo, o que só faz aumentar o grau de incertezas sobre o futuro deste país.

As reformas de base ou estruturantes que são necessárias e urgentes, o governo do PMDB não se dispõe a fazê-las, com medo de perder apoio político e como consequência da falta de apoio partidário, o governo Temer vir a tornar-se instável e ingovernável. O que é bem provável, porque os nossos parlamentares só pensam em levar vantagens e dane-se o povo.

A permanência da presidenta Dilma Rousseff a frente do governo federal, mesmo que fragilizada, ajudaria mais ao país, porque ela sem futuro político, poderia jogar todas as suas fichas na aprovação do ajuste fiscal, da reforma política e outras medidas que ajudariam ao futuro governo a governar sem ter que negociar com os partidos. Com a boa vontade do Congresso Nacional é claro! Livre do toma lá dá cá.    

Sem apoio popular e tendo que ceder as chantagens de partidos e parlamentares, o governo Temer só faz adiar e aumentar a nossa agonia.

Toda vez que reflito sobre o momento político que o Brasil atravessa me ocorre a ideia de propor um Pacto Social.
Postar um comentário